Virgílio Antônio R. de O. Filho

Virgílio Antônio R. de O. Filho

Membro do conselho deliberativo

É Procurador-chefe da Procuradoria Federal junto à PREVIC. Especialista e doutorando em Direito, é membro de carreira da Advocacia-Geral da União desde 2006. Ocupou o cargo de Chefe da Assessoria Juridico-Legislativa da Secretaria de Saúde do Distrito Federal. Foi Consultor Jurídico do Ministério da Previdência Social, mais alto posto jurídico da Previdência Social e, cumulativamente, exerceu a Presidência da Câmara de Recursos da Previdência Complementar, órgão de 2ª e última instância administrativa de aplicação de penalidades aos gestores dos Fundos de Pensão no Brasil. Foi Coordenador de Processo Disciplinar e de Direito Administrativo da Consultoria Jurídica da Previdência Social, bem como assessor especial do Diretor-Geral do Sistema de proteção da Amazônia e Coordenador de Consultoria da Procuradoria da Previc. Chefiou a Procuradoria Federal

Especializada em Novo Hamburgo-RS como Subprocurador-chefe. Autor de diversas publicações na área jurídica e também literária.

O Instituto

Acompanhe as principais e mais recentes
informações sobre previdência
complementar e saúde suplementar

Instituto de Previdência Complementar e Saúde Suplementar (IPCOM)

O Instituto Brasileiro de Previdência Complementar e Saúde Suplementar (IPCOM) é uma associação civil sem fins lucrativos, de caráter científico, criada com a finalidade de promover o debate sobre os sistemas de previdência complementar e saúde suplementar.

O processo de envelhecimento da população brasileira, aliado à queda das taxas de natalidade, tem pressionado cada vez mais as finanças públicas no sentido de promover condições mínimas de dignidade para os cidadãos mais necessitados, especialmente para as pessoas em idade avançada.

Nesse cenário, a previdência complementar e a saúde suplementar visam oferecer proteção para além do mínimo oferecido pelo Estado, possibilitando a manutenção do padrão de consumo do trabalhador ao longo de toda sua vida.

O IPCOM reúne especialistas da área jurídica, economistas, atuários, profissionais da área de investimentos, entre outros, com a finalidade de buscar o desenvolvimento e o fortalecimento desses sistemas, com visão interdisciplinar, posicionando-se de forma técnica e independente sobre essa temática.